Sua Nova Evolução Pela Web!!!
 
InícioInício  PortalPortal  FAQFAQ  BuscarBuscar  Registrar-se  MembrosMembros  GruposGrupos  Conectar-seConectar-se  

Compartilhe | 
 

 Guia: Escolha a Placa Gráfica Ideal

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo 
AutorMensagem
jukilo
Ranking
Ranking
avatar

Mensagens : 624
Data de inscrição : 01/03/2008

MensagemAssunto: Guia: Escolha a Placa Gráfica Ideal   Seg Jun 16, 2008 3:14 pm

Existem muitos factores que contribuem para que se jogue a qualquer jogo, sem qualquer barreira provocada pelo hardware. O processador é importante, a memória do sistema também, mas sem uma gráfica adequada, um bom desempenho é bastante dificil.

Neste guia, procuramos ajudá-lo a decidir se realmente quer ou não adquirir uma nova placa gráfica, e caso o queira, qual a ideal para si. A aquisição de uma placa gráfica, que pode variar, dependendo, claro está, das suas necessidades e disponibilidade financeira.

Esperamos que no final, esteja um pouco mais esclarecido, e que a sua próxima aquisição de uma placa gráfica não seja uma dor de cabeça.

AGP ou PCI-Express?
Comece por verificar qual o tipo de slot presente na sua "Motherboard". Em PC's com menos de 1 ano, o mais frequente é o slot PCI-Express, que veio substituir a tecnologia AGP, melhorando a velocidade de acesso à placa de 8X para 16X. Actualmente, já temos várias motherboards que suportam sitemas SLI/CrossFire, ou seja, duas gráficas a funcionar em simultâneo, utilizando na mesma slot’s PCI-Express.
No entanto, alguns dos PC's mais antigos (10 anos ou mais), não possuiam nenhuma das duas, e aí a solução seria uma placa PCI, algo que já só deverá encontrar em lojas que vendam componetes em 2ª mão. Em qualquer dos casos, e caso não tenha conhecimento de que tipo de slot o seu PC possui, poderá encontrar essa informação gravada na motherbord, ou no seu manual.


Preço/Necessidades :
Actualmente no mercado, podemos encontrar placas gráficas que podem ir desde os 50€, até mais de 500€. A placas gráficas de 500€ são sem dúvida as mais evoluidas, e incluem as últimas tecnologias, mas será que precisa mesmo de gastar essa quantia para satisfazer as suas necessidades?

Se o seu objectivo é jogar a jogos de última geração, com gráficos verdadeiramente evoluidos, então aí necessita mesmo de uma gráfica de topo, mas não necessáriamente a mais cara. Pode encontrar no mercado gráficas com valores que rondam os 250€ e 300€, que correm perfeitamente os jogos de última geração. Nesta gama encontra gráficas que já suportam SLI (nVidia) ou CrossFire (ATI), e pode assim dobrar o seu rendimento. Obte por essas, caso a sua motherboard o suporte.

Se a sua utilização do PC é menos exigente, e passa por aceder à internet, trabalhar em Word, Excel, Powerpoint, gravações de CD/DVD, ou outros trabalhos simples, então qualquer placa gráfica de gama baixa (entre 50€ e 100€) é suficiente para satisfazer essas necessidades. Até mesmo as gráficas integradas (OnBoard) são ideais para isso. Essas gráficas integradas com chip Intel, SiS, Via, S3, têm memória partilhada, ou seja, utilizam a memória do sistema, que pode ser de até 256MB, mas não são suportadas por grande parte dos jogos. São realmente ideiais para trabalho e pouco mais que isso.

Se utiliza o PC para trabalho, mas de vez em quando gosta de relaxar um pouco a jogar, com poucas exigências ao nivel dos gráficos, isto é, jogos de estratégia, RTG Online (Aventura), ou até um ou outro FPS (Tiro em primeira pessoa), mas sem que para isso tenha de utilizar os gráficos no máximo, então existe uma larga gama de gráficas de valor médio (entre100€ e 150€)diponíveis no mercado, e que são ideais.

*No final pode ver algumas das nossas sugestões, para as diferentes necessidades.


A Memória não é tudo...
É muito comum caracterizar-se uma placa gráfica pela quatidade de memória integrada. Uma ideia errada, pois uma gráfica de 512MB pode ter um desempenho pior que uma de 256MB. O processador gráfico e largura de banda da memória são bem mais importantes. A memória DDR3 é bem mais eficiente que DDR2 ou DDR, e já pode ser encontrada em gráficas com preços bastante acessível. Também já existem gráficas com memória DDR4. Para melhores performances, procure gráficas que suportem SLI/CrossFire, mas verifique primerio se a sua motherboard o suporta. Em SLI/CrossFire, é possivel conectar, por exemplo 2 gráficas de 1GB de memória, ficando com o total de 2GB de memória video disponivel… brutal!


Saídas de Vídeo:
A maioria de gráficas apresentam a capacidade de controlar dois monitores. Esta funcionalidade é útil para designers que utilizam CAD, ou outros programas de modelação 3D, edição de fotografia e video. Esta capacidade é também já utilizada em muitos jogos que permitem ter mais de uma vista.

Se está interessado nestas funcionalidades, obte por uma gráfica que tenha duas saídas de video (VGA e DVI, ou 2x DVI), mas certefique-se que é fornecido o adaptador DVI/VGA, indespensável no uso de monitores CRT ou TFT de gama baixa. A saída para TV também é importante, isto é, se pretender ligar o PC a uma TV que só tenha entrada por SCART (21-Pin) ou RCA’s. Esta saída é geralmente feita por S-Video, e também deve ser fornecido um adaptador S-Video/RCA. Se não for fornecido, já é fácil encontrar em lojas adaptadores que fazem fácilmente esta conversão.

Se possui um LCD actual, deverá encontrar nas conecções uma entrada HDMI. A maioria das placas gráficas actuais já possuem uma saida HDMI, que possibilita que o seu LCD receba imagem em alta definição. Se o seu objectivo é ligar o PC ao LCD, então obte por uma gráfica com esta saída, pois vai disfrutar de uma imagem com qualidade superior à emitida pelas portas VGA, DVI ou S-Video.


DirectX 10:
Ainda há poucos jogos que tiram verdadeiro partido do DirectX10, tecnologia que surgiu com o Windows Vista, mas ao adquirirmos uma placa gráfica temos de contar com lançamentos futuros. Vão começar a aparecer jogos que utilizam esta tecnologia e as suas vantagens, por isso tenha em atenção que vai adquirir uma placa gráfica com suporte para DirectX10.


Software Fornecido:
É comum encontrar na caixa de uma placa gráfica algum software, nomeadamente jogos e programas para reprodução de multimédia. Faça as contas ao software fornecido, e vai ver que na maioria dos casos, o valor desse software é suficiente para cobrir o valor da placa. Normalmente a MSI e a ASUS são as mais ricas em software fornecido.

Drivers Actualizados:
Quando adquire uma placa gráfica, os drivers fornecidos em CD podem não ser os mais actuais. Os principais fabricantes de chip’s gráficos (ATI e nVidia), lançam frequentemente actualizações de drivers para os seus chips. Essas actualizações são importantes, pois optimizam o desempenho das gráficas, fazendo com que estas tenham melhor performance, por exemplo nos jogos. Depois de instalar a gráfica, procure os drivers mais recentes, para tirar o máximo partido da sua nova aquisição.


Sugestões:

- Utilização pouco exigente: ATI Radeon HD2400 Pro 256MB DDR2 (Apróx. 50 €) ou nVidia GeForce 8400GS 256MB DD2 (Apróx. 50 €)
*lembre-se que a gráfica onboard pode ser suficiente
- Utilização média: ATI Radeon HD2600 XT 256MB DDR4 (Apróx. 130€) ou nVidia GeForce 8600GT 256MB DDR3 (Apróx. 150€)
- Utilização muito exigente: ATI Radeon HD 3870 512MB DDR4 (Apróx. 250€) ou nVidia GeForce 8800GTS 512MB DDR3 (Apróx. 300 €)
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário http://forumevolution.forumeiro.com
 
Guia: Escolha a Placa Gráfica Ideal
Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Voltar ao Topo 
Página 1 de 1
 Tópicos similares
-
» Placa Mãe ideal
» FS não reconhece a placa de video
» Configuração Ideal Logitech extreme 3D Pro
» [MBAC] Arima Miyako: Guia de Treino - Iniciante
» Artista chinês fica "invisível" em fotos.

Permissão deste fórum:Você não pode responder aos tópicos neste fórum
::||Forum Evolution||:: :: Sistema Operacional :: Hadware em Geral-
Ir para: